Flamengo estreia com derrota no Brasileirão

CErErHsWAAAwYI2

São Paulo e Flamengo estrearam neste domingo no Campeonato Brasileiro de 2015. E, no Dia das Mães, quem saiu comemorando foram as mães são-paulinas. Depois de um primeiro tempo devagar, o São Paulo pôs Paulo Henrique Ganso e Alexandre Pato na etapa complementar. Os jogadores fizeram a diferença e ajudaram o Tricolor a conquistar os três pontos com a vitória por 2 a 1. O time paulista agora volta as atenções para a Libertadores da América para o confronto com o Cruzeiro. O Flamengo volta a campo no domingo para o duelo com o Sport, no Maracanã, pelo Brasileirão.

São Paulo e Flamengo começaram o Brasileirão de forma “morna”. O duelo entre as duas equipes começou devagar. O primeiro tempo não teve muitas emoções para as duas torcidas.

Os donos da casa chegaram mais perto de abrir o placar na etapa inicial. Foi no finalzinho do primeiro tempo em uma cobrança de falta de Wesley, que Paulo Miranda cabeceou com perigo, obrigando Paulo Victor a fazer a defesa da primeira etapa. O goleiro rubro-negro evitou o gol com o pé.

Apesar de buscar mais o ataque, o São Paulo tinha dificuldades na hora de finalizar. Hudson chegou a dar uma furada dentro da área em um lance de perigo. O Flamengo, por sua vez, tentava surpreender nos contra-ataques, mas as chances também eram escassas. Marcelo Cirino teve uma oportunidade e Everton outra. Na primeira Rogério Ceni saiu do gol para tentar interceptar o atacante, que tentou cortar o camisa 1 são-paulino, sem sucesso. Já Everton recebeu boa bola de Almir, foi a linha de fundo e cruzou, mas nenhum companheiro chegou para aproveitar a oportunidade.

O segundo tempo foi bem mais animado do que o primeiro. O São Paulo tinha Paulo Henrique Ganso no banco e tratou de colocá-lo em campo. A presença do meia pareceu ter animado o tricolor, que começou a etapa final muito mais disposto. Logo aos 6` Ganso deu belo toque para Luis Fabiano, que chutou e carimbou a zaga flamenguista.

No entanto, quem teve a primeira grande chance da segunda etapa foi o Flamengo. Aos 11’, Anderson Pico tocou para Everton. O meia cruzou e Gabriel tentou. Mas aí foi a vez de Rogério Ceni fazer grande defesa. O goleiro primeiro tirou com o pé e depois com a mão.

Cinco minutos depois quem salvou foi Paulo Victor, que contou com a ajuda de Anderson Pico. Novamente com Ganso, o São Paulo chegou com perigo e Luis Fabiano chutou. O goleiro rubro-negro defendeu parcialmente, Fabuloso tentou de novo e Anderson Pico tirou em cima da linha.

Mesmo melhor em campo, o São Paulo quase sofreu o gol. Ganso recuou para Rogério Ceni, que teve que dividir com Marcelo Cirino. Na sequência, Canterou teve a chance de fazer por cobertura, mas pegou muito mal na bola.

Como quem não faz leva, o rubro-negro foi castigado cinco minutos depois. Souza, Alexandre Pato e Wesley tabelaram bem e Luis Fabiano, com uma cabeçada certeira, colocou o Tricolor na frente. Pato ampliou aos 34’, depois de bola tabela com Ganso.

O Flamengo ganhou sobrevida no finalzinho do jogo com um pênalti a favor. O árbitro marcou mão de Paulo Henrique Ganso. Everton cobrou bem, diminuindo. Porém, não conseguiu chegar ao empate.


Deixe uma resposta